19 de junho de 2024

Jundiaí /SP

Pesquisar

Jovem diocesana participa de experiência missionária em Manaus

Vanilde Alves, 33 anos, representou a Diocese de Jundiaí na 6ª Ação Missionária Nacional Sem Fronteiras. Ela é assessora da Juventude Missionária da Paróquia Nossa Senhora Mãe dos Homens e Santo Antônio de Pádua, da cidade de Louveira.

Promovido pela Pontifícia Obra da Propagação da Fé (POPF) juntamente com a Pontifícias Obras Missionarias (POM), a iniciativa acontece desde 2016 e faz parte das atividades anuais da Juventude Missionária do Brasil.

Neste ano, a Arquidiocese de Manaus acolheu 50 jovens de todo o Brasil, nos dias 5 a 14 de janeiro de 2024.

Com o objetivo de despertar o protagonismo missionário e fortalecer o vínculo e a interação entre os jovens da JM de todo o Brasil,  a atividade foi realizada na área missionária São João Paulo II, na periferia da cidade de Manaus, com o tema “Jovens das Igrejas locais aos confins do mundo” e o lema “Corações ardentes”.

Os participantes foram hospedados pelas famílias das comunidades das Áreas Missionárias João Paulo II, João XXIII, São Francisco das Chagas, Família de Nazaré e nas Paróquias Nossa Senhora Aparecida e Santo Mártires (Presidente Figueiredo) e Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Careiro da Várzea) onde aconteceram a experiência missionária, acompanhando de perto como se dá a vida da igreja nestes territórios da Arquidiocese.

 De acordo com o Pe. Genilson Sousa, secretário nacional da Pontifícia Obra da Propagação da Fé, os representantes da JM de cada estado se reúnem para formação, partilhas, intercâmbio das experiências vividas nas igrejas locais através de oficinas, rodas de conversas e visitas missionária na realidade da experiência da igreja local escolhida em uma macrorregião do país.

A 6ª Ação Missionária Sem Fronteiras iniciou com uma Eucaristia presidida pelo cardeal Leonardo Steiner, arcebispo de Manaus, e um momento de formação, onde foi apresentada a História da evangelização da Amazônia, a realidade de Manaus, a espiritualidade missionária, a partir do tema: “Jovens das igrejas locais aos confins do mundo”, e como realizar a missão nas comunidades.

Confira o testemunho de Vanilde:

Tive a graça de participar da minha primeira experiência missionaria 6ª Ação Missionária Nacional Sem Fronteiras, em Manaus. Nessa experiência de 12 dias, pude vivenciar e aprender o jeito simples e acolhedor do povo manauara, me adentrei na cultura e nas realidades de cada comunidade. Fui enviada para área missionária Família de Nazaré, lá tem 14 comunidades e fomos acolhidos com muita alegria e dança pelas as pessoas, jovens, religiosas e o padre, o meu grupo pode conhecer e visitar todas as comunidades. Foram dias muitos intensos e cansativos, mas gratificantes e fortalecedores para a caminhada como missionária.
Em cada comunidade que visitávamos os jovens e algumas pessoas faziam-se presentes e nós caminhávamos na alegria deles cantando e louvando a Deus nas ruas. Ouvimos muitos testemunhos, partilhas, risos, choros, bênçãos, músicas e orações.
As pessoas sentiam necessidade de serem ouvidas e tocadas, e nós estávamos ali, pois somos os abraços estendidos de Jesus. Algumas pessoas até falavam que eles estavam precisando dessa visita – ali percebi o agir de Deus, outros nos abordaram nas ruas nos questionando sobre quem éramos e o que estávamos fazendo, outros ainda já nos esperavam e assim as visitas foram acontecendo, cada uma do jeito que Deus preparou.
Os desafios e as lutas daquelas pessoas e do pároco são muito grandes, mas são pessoas fortes na fé e na sua devoção para manter viva a igreja!
Essas visitas me proporcionaram ver o rosto de Jesus em várias cores, rostos, gostos, raças, idades… onde sentir a presença de Deus.
O sentimento é de gratidão por tudo que foi vivido. Criei laços de amizade e família, foi uma experiência linda, fortalecedora e gratificante.

Rolar para cima
Rolar para cima