Diocese e Conpas realizam Ato Público de Purificação de Memória

A Diocese de Jundiaí e o Conselho de Pastores de Jundiaí (Conpas) realizam Ato Público de Purificação de Memória que celebrou os 500 anos de Reforma Luterana na tarde deste domingo  1º de outubro, na Câmara Municipal de Jundiaí.

O evento foi uma Celebração da Unidade que segue o trabalho de comunhão e reciprocidade que a Igreja tem buscado.

Durante o evento foi feito um ‘resgate histórico- memória, Lutero e suas histórias’, em que os presentes foram conduzidos a uma compreensão do que foi e o que representa a Reforma Luterana para a Cristandade. Outro momento foi o Ato de Confissão com o pedido de perdão recíproco e reparação pública dos atos cometidos em nome da Reforma.

Da Diocese de Jundiaí participaram o Bispo Diocesano, Dom Vicente Costa; padre Antônio Ferreira da Silva, o coordenador diocesano da Pastoral Presbiteral, padre Jorge Demarchi; o coordenador do Conselho Diocesano da Ação Evangelizadora, padre Leandro Megeto, e os seminaristas do Seminário Diocesano Nossa Senhora do Desterro.

“A ‘purificação de memória’ é a busca da unidade, olhar para a história e aprender com a história, o que ela nos indica de erros e acertos e como vamos seguir, dentro da Doutrina da Igreja, para buscar a reconciliação”, explicou padre Ton, assessor diocesano do Encontro das Igrejas Cristãs.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *