21 de fevereiro de 2024

Jundiaí /SP

Com Fundo de Ajuda aos Pobres, Diocese oferece apoio a Projeto Fios Encantados

Entidade em Jundiaí doa toucas e perucas para pacientes com câncer, especialmente crianças.

 

Com recursos do Fundo de Ajuda aos Pobres, a Diocese de Jundiaí doou R$ 37 mil ao Projeto Fios Encantados, que se dedica a confecção de toucas de lã e perucas de personagens infanto-juvenis para crianças e adolescentes em tratamento de câncer.

A doação foi entregue pelo Bispo Diocesano, Dom Arnaldo Carvalheiro Neto, à fundadora e presidente do Projeto, Mara Gisele Pereira, na manhã desta terça-feira, dia 28 de março. De acordo com Mara, o valor recebido será utilizado nas obras de cobertura do quintal da casa-sede, ampliando os espaços de trabalho para melhor acomodar os mais de 100 voluntários – 116, para ser mais exato.

O ato de entrega do cheque aconteceu em uma das salas da Cúria Diocesana e foi acompanhado pelos padres Adriano Luís Zucculin, Carlos José Virillo, Carlos Rafael Casarin, Lupércio Batista Martins, Márcio Odair Ramos e Marcos Adriano Paulino e por Michele Carolina Silva, representante da Cáritas Diocesana. Patrícia Perdiz, diretora de eventos do Projeto Fios Encantados também marcou presença.

Ao agradecer o apoio da Diocese na pessoa de Dom Arnaldo, Mara partilhou parte da história do Projeto, suas conquistas e desafios. Seus passos foram seguidos por muitas outras pessoas dispostas a servir, a doar-se por meio de uma ação de caridade e amor ao próximo, um verdadeiro exemplo de amor-ação que contagia.

Dom Arnaldo, por sua vez, considerou o Projeto como um verdadeiro testemunho de partilha. O Bispo falou de sua alegria ao conhecer a instituição: “Visitei o Projeto recentemente e fiquei encantado com o trabalho, com a alegria das voluntárias e me emocionei muito com tudo o que vi”.

Mencionando a Exortação Apostólica “Gaudete et Exsultate” (Alegrai-vos e Exultai) do Papa Francisco, documento que reforça o chamado à santidade, sem desconsiderar os desafios e as oportunidades do contexto atual, Dom Arnaldo disse: “O Papa apresenta a santidade como o rosto mais belo da Igreja. Dessa forma, o caminho da santidade se manifesta de diversas formas e aqui destaco três características que se enquadram perfeitamente na ação que vocês desenvolvem: ousadia e curiosidade, alegria e bom humor e espírito comunitário. Vocês vivem o amor por meio da promoção do bem que fazem”, concluiu.

 

Projeto Fios Encantados

 

O Projeto Fios Encantados existe há seis anos. A ação, que nasceu pequena, pretendia atender apenas os pacientes de Jundiaí e hoje chega em quase todos os estados do Brasil e tem por meta alcançar a América Latina até 2024.

Por meio de pequenas iniciativas como venda de pães, massas e rifas, chaveiros e pequenos eventos, hoje o Projeto mantém a casa-sede e contabiliza mais de 18 mil peças produzidas e entregues. No início e por quatro anos, as primeiras voluntárias reuniam-se em salas nas dependências gentilmente cedidas pela Paróquia Nossa Senhora da Conceição mas, com o crescimento da demanda e do número de voluntários – hoje são 116 pessoas de diferentes idades, sexo, credo -, surgiu a necessidade de um espaço próprio.

Localizada na Rua Visconde de Taunay, 173, na Vila Arens, a casa-sede reúne grupos de voluntários, com cerca de 60 pessoas cada um,  em todas  segundas e quartas-feiras, das 14h às 17h, para a confecção das peças.

Se você deseja saber mais sobre os “Fios Encantados” ou deseja ajudar o Projeto, pode mandar um e-mail para: [email protected] ou ligar para o telefone: (11) 9.4930-0615 e agendar uma visita à instituição.

Para doações em dinheiro:

Caixa Econômica Federal
Associação Beneficente Fios Encantados
Agência 2209
Op. 013
Conta: 68686-0
CNPJ: 32.744.704/0001-65

Para doações on-line: http://vaka.me/467762

PIX: CNPJ: 32.744.704/0001-65

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Rolar para cima