20 de abril de 2024

Jundiaí /SP

Colaboradores da Cúria vestem-se de rosa para alertar sobre o câncer de mama

Neste dia 31, os colaboradores da Cúria Diocesana de Jundiaí vestiram-se de rosa, como forma de alertar sobre os riscos do câncer de mama. Eles aceitaram o desafio proposto pelo Setor de Recursos Humanos, com a finalidade de celebrar o mês dedicado à Luta contra o Câncer de Mama.

A campanha “Outubro Rosa” é celebrada anualmente com o objetivo de compartilhar informações e promover a conscientização sobre o câncer de mama. É um movimento internacional criado no início da década de 1990 pela Fundação Susan G. Komen for the Cure.

No Brasil, a Lei nº 13.733/2018 instituiu o Mês de conscientização sobre o câncer de mama – outubro rosa, período em que devem ser desenvolvidas atividades, tais como: Incentivo às consultas, distribuição de material de conscientização, eventos com especialistas, testemunhos de pacientes, entre outras ações.

Segundo informa o Ministério da Saúde, dados divulgados pelo Instituto Nacional de Câncer (INCA), no Brasil, o câncer de mama é o mais incidente em mulheres de todas as regiões, com taxas mais altas nas regiões Sul e Sudeste. E constitui na primeira causa de morte por câncer na população feminina em todas as regiões do Brasil, exceto na região Norte, onde o câncer do colo do útero ocupa essa posição.

Para este ano de 2022 foram estimados 66.280 casos novos de câncer de mama, o que representa uma taxa ajustada de incidência de 43,74 casos por 100 mil mulheres. A taxa de mortalidade, ajustada pela população mundial, foi 11,84 óbitos/100.000 mulheres, em 2020, com as maiores taxas nas regiões Sudeste e Sul, com 12,64 e 12,79 óbitos por 100 mil mulheres, respectivamente.

Para saber mais, acesse a cartilha do Instituto Nacional do Câncer: https://www.inca.gov.br/sites/ufu.sti.inca.local/files/media/document/cartil1.pdf

 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Rolar para cima