CF 2018 é apresentada na Cúria Diocesana de Jundiaí

A equipe da Campanha da Fraternidade Diocesana, coordenada por Fábio Noronha, de Salto, apresentou em 18 de novembro, na Cúria Diocesana de Jundiaí, a Campanha da Fraternidade de 2018, que tem como tema “Fraternidade e Superação da Violência”. Depois de dar início ao encontro com a oração da CF 2018, Fábio agradeceu a participação dos representantes das 11 Regiões Pastorais da Diocese. A animação musical foi feita pelo Coral da paróquia Cristo Rei, de Salto.

 

Maria Rosângela Moretti, da Cáritas Diocesana fez a publicação dos avisos e o padre Leandro Megeto, coordenador Diocesano da Ação Evangelizadora, fez a introdução ao tema. “O que muda a pessoa é o encontro pessoal com Jesus Cristo. É preciso reforçar o querigma e o nosso papel é ser sal e luz na sociedade. Estamos perdendo a dimensão do querigma, que é o que nos apresenta Jesus”, exortou Pe. Leandro.

 

“O tema da Campanha da Fraternidade de 2018 vem de encontro ao Tempo Quaresmal. Refletimos a paixão do Senhor e sua consonância com os tempos atuais. De alguma forma somos violentos: conosco mesmo, com o próximo, com a natureza. Nesta campanha vamos refletir a violência. É importante pensar na violência interior que provoca a violência exterior. Sem a conversão pessoal, interior, não conseguiremos a transformação social, exterior”, completou padre Leandro.

 

O “Ver” do Texto Base da CF 2018 foi apresentado e comentado por Dolaine Coimbra, da equipe diocesana da CF. “Precisamos VER a realidade brasileira de violência já pensando no AGIR. Nós somos arautos da fraternidade e da paz”, disse. Após apresentar alguns números da violência no Brasil, um dos mais violentos do mundo, Dolaine completou que “gasta-se mais recuperando vítimas da violência do que tratando de doenças”.

 

Miguel Silva Oliveira, da Pastoral do Menor, deu testemunho sobre o trabalho da Pastoral junto à Fundação CASA, que trata da ressocialização de menores infratores. “Sofremos com a violência e a pressão, mas somos missionários, nos dedicamos inteiramente ao anúncio da Palavra de Deus e isso produz frutos”, disse Miguel.

 

Antes do término da reunião, os agentes foram distribuídos em grupos por Região Pastoral para projetar ações através de calendário regional e diocesano. No dia 16 de dezembro, na Cúria Diocesana e em várias Regiões Pastorais da Diocese acontecerão reuniões de preparação para a CF. Padre Juverci Pontes Siqueira, assessor diocesano da Campanha da Fraternidade fez a exortação e a oração final.

 

Colaboração: Diácono José Carlos Pascoal

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *