30 de junho de 2022

Jundiaí /SP

Cáritas Diocesana de Jundiaí: 25 anos valorizando a vida

No dia em que a Igreja celebrou Santa Catarina de Sena, nesta sexta-feira, 29 de abril, a Diocese de Jundiaí se uniu com alegria em comemoração pelo Jubileu de Prata da Cáritas Diocesana.

Nosso Bispo Diocesano, Dom Vicente Costa, presidiu a celebração em ação de graças pelo aniversário de 25 anos da Cáritas, no Santuário Diocesano Nossa Senhora Aparecida.

A assembleia reuniu membros da atual diretoria, de entidades parceiras, das Pastorais Sociais Diocesanas, religiosos (as), ex-diretores, agentes e pessoas assistidas pela instituição.

Todos lamentaram a ausência da atual coordenadora de Projetos Sociais, Maria Rosangela Moretti, uma das fundadoras da Cáritas, que por problemas de saúde não pôde estar presente. “Rosângela é a cara da Cáritas de Jundiaí”.  Ela esteve unida a assembleia presente no Santuário e a mais de uma centena de pessoas que acompanharam a celebração pelas redes sociais da Diocese de Jundiaí e da Cáritas e pela página oficial do Youtube do Santuário.

Na homilia, Dom Vicente rezou “Senhor nosso Deus, nós agradecemos pelos 25 anos da Cáritas e pedimos que o que é de Deus permaneça para sempre. Amém”, no que foi seguido por toda assembleia presente.

Ao final de celebração, o presidente da Cáritas Diocesana de Jundiaí, Pe. Joaquim de Souza Filho, recordou, homenageou e agradeceu, nas pessoas de Dom Amaury Castanho (in memorian), dos diáconos Otávio e Francisco Arantes, de Dom Gil Antônio Moreira, 4º Bispo Diocesano, e do Padre Luiz Chrispin (in memorian), todas as pessoas que ajudaram e ajudam a fazer a história da Cáritas de Jundiaí. E a Dom Vicente Costa, Bispo Diocesano, que desde o início de seu governo episcopal dispensa todo apoio e não mede esforços para manter vivo o trabalho da Cáritas em nossa Diocese.

Em seguida, o Pastor da Diocese consagrou a rede Cáritas à Nossa Senhora Aparecida.

Breve Histórico

A Caritas Diocesana de Jundiaí nasceu em 21 de março de 1997, em Assembleia, no governo episcopal de Dom Amaury Castanho, e na presença de inúmeros representantes das organizações beneficentes e coordenadores de Pastorais Sociais.

Nesses 25 anos, a Cáritas, braço social da Igreja, vem fazendo história. Nasceu, cresceu, ampliou seus trabalhos sem nunca perder de vista seu principal objetivo: integrar e articular as ações sociais da Igreja e atender aos que vivem nas periferias, em situação de vulnerabilidade. Milhares de pessoas entre crianças, adolescentes, homens e mulheres, cerca de 200 famílias, são beneficiadas pelos projetos desenvolvidos pela instituição. Hoje, a Cáritas de Jundiaí é composta de 24 Entidades Beneficentes e 12 Pastorais Sociais.

 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Rolar para cima