16 de janeiro de 2022

Jundiaí /SP

Advento: Tempo de preparar a vida para receber Jesus

No Tempo do Advento, a Igreja convida os cristãos a se prepararem para o Natal do Senhor. É um tempo de alegria, de vida e esperança.

Para viver bem esse tempo, as paróquias da Diocese de Jundiaí realizarão as confissões em preparação para o Natal, chamadas também de Penitenciais do Advento.

Procure a paróquia mais próxima para receber o Sacramento da Reconciliação.

 

CONFISSÕES em preparação para o Natal 2021
(Advento)

Confira a data, horário e o local em que serão realizadas as celebrações penitenciais nas paróquias de sua Região Pastoral.

Região Pastoral 1: (Jundiaí)

Dia 9/12  – 19h30 – Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus

Dia 10/12 – 20h – Paróquia Beato Frederico Ozanam

Dia 16/12 – 20h – Paróquia Nova Jerusalém

Dia 15/12 -19h30 – Paróquia Santo Antônio- Anhangabaú

Região Pastoral 2: (Jundiaí)

Dia 14/12 – 19h30 – Paróquia Santa Gertrudes

Dia 16/12 – 20h – Paróquia Nossa Senhora de Montenegro

Dia 17/12 – 20h – Paróquia São Roque

Dia 21/12 – 19h30 – Paróquia- Santuário Dioc. N. Sra. Aparecida

Dia 22/12 – 20h – Paróquia São Pedro Apóstolo

Dia 23/12 – 20h – Paróquia Santa Rosa de Lima

Região Pastoral 3: (Jundiaí)
Ainda não recebemos as informações.

Região Pastoral 4: (Jundiaí e Louveira)

Todas as noites às 19h30

Dia 09/12 – Paróquia São Vicente (todos os padres)

Dia 10/12 – Paróquia São Sebastião/ Louveira (todos os padres)

Dia 14/12 – Paróquia- Santuário Dioc. Santa Rita de Cássia (todos os padres)

Dia 15/12 – Paróquia N. Sra. Mãe dos Homens e Sto. Antônio de Pádua (todos os padres)

Dia 16/12 – Paróquia Nossa Senhora de Fátima (todos os padres)

Dia 17/12 – Paróquia Santo Antônio de Pádua (todos os padres)

Região Pastoral 5: (Cabreúva, Itupeva e Jundiaí )
Ainda não recebemos as informações.

Região Pastoral 6: ( Várzea Paulista) 

Dia 07/12 – 19h30 – Paróquia Santo Antônio
Dia 09/12 – 19h – Paróquia Cristo Redentor
Dia 15/12 – 19h30 – Paróquia São Francisco de Assis
Dia 16/12  – 19h – Paróquia Nossa Senhora da Piedade
Dia 17/12 – 19h – Paróquia Nossa Senhora de Lourdes

Região Pastoral 7: (Itu)

Todas as noites às 19h30

Dia 01/12– Paróquia Nossa Sra. da Candelária

Dia 02/12– Paróquia São Luís Gonzaga e Paróquia São José

Dia 07/12– Paróquia Sagrada Família e Paróquia São Camilo de Léllis

Dia 09/12– Paróquia Nossa Senhora Aparecida

Dia 10/12– Paróquia São Cristóvão

Dia 14/12– Paróquia São Judas Tadeu

Dia 15/12– Paróquia São João Batista e Paróquia Sr. do Horto e São Lázaro

Região Pastoral 8: (Salto)
Ainda não recebemos as informações.

Região Pastoral 9: (Cajamar e Santana de Parnaíba)
Ainda não recebemos as informações.

Região Pastoral 10: (Pirapora de Santana de Parnaíba)
Ainda não recebemos as informações.

Região Pastoral 11: (Campo Limpo Paulista)

Dia 14/12 – 19h30 – Paróquia São Francisco de Assis

Dia 15/12 – 19h30 – Paróquia Nossa Senhora do Rosário

Dia 16/12 – 19h30 – Paróquia Santa Luzia

Dia 17/12 – 19h30 – Paróquia Santo Antônio

 

Como podemos nos preparar para
fazer uma boa confissão em quatro passos 

O primeiro passo é rezar, orar a Deus e pedir um coração arrependido do mal realizado; a oração será esse pedido a Deus, para que se convença do mal e se arrependa.

O segundo passo é fazer um bom exame de consciência; todo pecado confessado é um pecado perdoado. Assim, se o fiel confessou e não mais repetiu o erro cometido, não é necessário confessar novamente. E ainda, se o fiel tem dificuldades, medo ou vergonha de se confessar, escreva seus pecados numa folha de papel e apresente ao sacerdote.

O terceiro passo é buscar um sacerdote da Igreja Católica Apostólica Romana. É em nome de Nosso Senhor Jesus Cristo e da Igreja que o padre perdoa os pecados.

O quarto passo é cumprir a penitência. O presbítero, normalmente, dá alguma penitência para que o fiel se comprometa com o perdão de Deus; pode ser uma oração, um gesto concreto. E se o padre não der uma penitência, a confissão é válida.  Reze e tenha atitudes de um cristão, busque a vivência dos mandamentos.

Ato de Contrição:Senhor, eu me arrependo sinceramente de todo mal que pratiquei e do bem que deixei de fazer. Pecando, eu vos ofendi, meu Deus e meu sumo bem, digno de ser amado sobre todas as coisas. Prometo firmemente, ajudado com a vossa graça, fazer penitência e fugir às ocasiões de pecado. Amém!”. (Oração tirada da Bíblia da CNBB)

 

 

 

 

 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Rolar para cima