20 de abril de 2024

Jundiaí /SP

Itu completa 412 anos de fundação e de devoção a Nossa Senhora da Candelária

Na cidade de Itu, que tem por padroeira Nossa Senhora da Candelária, celebrada neste dia 2 de fevereiro, a festa  que começou no dia 30 de janeiro, com tríduo preparatório, segue nesta quarta-feira, com missas, bênção das velas e procissão motorizada. As festividades do dia iniciaram com missa às 7h. Celebrou o Pe. Matheus Henrique da Silva. Às 10h, o Pároco, Pe. Francisco Carlos Caseiro Rossi preside a Missa Solene, com bênção das velas. A última celebração está marcada para as 19h e será seguida de procissão motorizada pelas principais ruas do centro da cidade.

A Paróquia informa que serão seguidos todos os protocolos de segurança sanitária e por esta razão, pede aos fiéis que usem máscaras e álcool gel.

Sobre a  “Apresentação do Senhor” e a “Festa das Luzes”

A Apresentação do Senhor celebra a maneira pela qual se deu a encarnação de Jesus e a que ela se destina.

José e Maria levam o Menino Jesus ao templo, oferecendo-o ao Pai. Como toda a oferta implica renúncia, a Apresentação do Senhor é o começo do mistério do sofrimento redentor de Jesus, que atingirá o seu ponto culminante no Calvário. Maria e José unem-se à oferta do seu divino Filho estando a seu lado e colaborando, cada um a seu modo, na obra da Redenção.

Para marcar a data, a “Festa das luzes” se refere tanto a Maria, por sua purificação segundo a “Lei de Moisés”, quanto a Jesus, o Filho primogênito que devia ser consagrado ao Senhor.

Conhecida também como “a Candelária” essa festa chegou, no século 4º, ao Ocidente, com o nome de “Encontro” e caracteriza-se pela solene bênção das velas e procissão. Do mesmo modo que Jesus, luz das nações, foi apresentado ao Pai no templo, também nós devemos correr ao encontro do Salvador.

 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Rolar para cima