19 de junho de 2021

Jundiaí /SP

Diácono Antônio Tosin morre de enfarto

 

Diácono Antônio Tosin tinha 83 anos.

O Diácono Permanente Antônio Tosin, de 83 anos, morreu na madrugada desta quarta-feira (05) vítima de enfarto, em sua residência.

O Bispo Diocesano, Dom Vicente Costa, recebeu a notícia com profundo pesar e agradece a Deus pela vida do Diácono Antônio, que tanto fez em amor a Deus e a Igreja.

O velório terá início às 12h30 até as 15h30 na matriz de Nossa Senhora da Piedade, em Várzea Paulista, com controle de entrada de pessoas e será limitada a capacidade de 25% da Igreja, por ordem de chegada.

Às 14h, uma celebração de corpo presente será presidida pelo Pároco da Paróquia Nossa Senhora da Piedade, Padre João Estevão da Silva.

O sepultamento ocorrerá às 16h, no Cemitério Bosque da Saudade, Avenida da Saudade, 360, Jardim Guanciale, Campo Limpo Paulista, com restrição a um limite máximo de 10 pessoas nas dependências do velório e a proibição aglomerações de visitantes pelas áreas internas e externas do cemitério. Também neste espaço será necessário seguir os protocolos sanitários como o uso obrigatório de máscaras, inibindo contatos físicos como apertos de mãos, abraços e beijos.

O Diácono Antônio deixa esposa Madalena Tortorella Tosin, teve dois filhos (um já falecido) e seis netos, a quem a Diocese se une em oração neste momento de sua partida ao encontro do Pai.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Rolar para cima